Idiomas

English French Spain Italian Portuguese Japanese Chinese Simplified

5 de novembro de 2017

Em alguns casos o silêncio vale mais que mil palavras

  
 
   Inúmeras são as vezes, que pessoas no afã do momento e sentindo-se com a razão e por falta de autocontrole colocam-se em situações complicadas. Muitas pessoas agem e reagem sem o devido ponderamento e gerenciamento de suas emoções. Trata-se de algo inerente ao ser humano por conta do temperamento e diversos fatores. Todavia, em muitos casos “o silenciar-se vale mais que falar”, pois quanto mais uma pessoa fala, coloca-se em situações cada vez mais adversas e o que no início poderia ter sido resolvido, com um diálogo harmonioso acaba por virar uma imensa bola de neve, ou seja, um conjunto de problemas que acabam por gerar uma série de ressentimentos que acabam sendo ruminados, ou seja, relembrados ao longo de toda uma vida. Daí a escolha: Optar pelo silêncio  e a meditação ou ficar se digladiando com as pessoas por toda uma vida. Veja e busque sempre o lado bom de tudo porque de cada situação adversa há grandes experiências a serem obtidas que no futuro serão repassadas aos seus filhos e aos que precisarem de um direcionamento seu. Perceba que de cada momento visto como negativo temos como extrairmos coisas boas!          

  A cultura imprimida por um dito popular de que: “Quem se cala consente”, não tem fundamento prático no refere-se ao tema em pauta. O silêncio na maioria das vezes evita conflitos e a consequente ruptura de relações que até então eram tão sólidas e exemplos dentro do contexto social. Friso, no entanto que, o problema não reside no falar, mas sim no tocante ao como se fala e o que se fala. Nossas palavras possuem poderes indescritíveis e o impacto dependendo das circunstancias pode gerar consequências boas ou ruins. Uma palavra negativa caro leitor, pode destruir uma pessoa por dentro, dada as circunstâncias que a mesma já vive e que nem sempre as pessoas que vivem a sua volta sabem. Como muito bem diz o tema em pauta: " Em alguns casos o silêncio vale mais que mil palavras".  A grande questão é que ninguém tem o direito de ferir a quem quer que seja. Tratar mal o nosso próximo repercuti em coisas ruins para nós mesmos. Independente do problema que você esteja vivenciando nunca humilhe ou trata o seu irmão mal proferindo palavras de desestímulo. Com base neste ponto de vista avalie e reavalie tudo que for falar antes de fazê-lo e se tiver cometido algum erro ou vier a cometer nunca sinta vergonha ou orgulho para pedir desculpas ou mesmo perdão, pois ambas são atitudes nobres e restauradoras das relações humanas, dilaceradas pela falta de sabedoria. Enfim tudo na vida acaba sendo um grande aprendizado. A questão está no como que cada um enxerga os desafios que se apresentam no curso da vida. 

   Conclusão, antes de proferir uma palavra pense e repense. Não tenha preocupações em responder de imediato porque a resposta pode até ser rápida, porém as consequências boas ou ruins seguramente terão impacto por toda uma vida no contexto de quem as receber. Consciência é a palavra chave. Reflitam e tenha um excelente dia!!!


João Luciano Silva da Costa.