Idiomas

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish

17 de junho de 2013

Obesidade em foco

 Nos últimos anos temos visto um aumento significativo de pessoas com sobrepeso. Trata-se de um fato muito preocupante e relevante a ser tratado e debatido no Brasil e em todo o mundo. A obesidade atingiu este estágio por conta do mal hábito alimentar adotado por milhares de pessoas. Nos Estados Unidos há uma gama imensa de pessoas que sofrem com esse problema. 

 Com o advento dos Fast-food "Alimentos conhecidos assim por serem preparados e servidos em curto tempo". Estes alimentos tornaram-se uma moda no contexto Brasileiro e internacional. Geralmente as famosas lanchonetes servem estes alimentos os tais fast-food, já prontos enquanto que em diversos seguimentos inclusive mercados oferecem comidas pré-prontas que apesar de muito saborosas, possuem um alto teor calórico o que é absolutamente maléfico para a saúde. Não quero aqui de forma alguma ir contra aos que os consomem de maneira alguma, até porquê tratam-se de hábitos que foram  infelizmente incorporados a nossa cultura e que dificilmente serão descartados, agora uma coisa pode ser feita que é o corte das demasias e a longo prazo tenho esperança de que haja a extinção dos mesmos. Ou seja diminuir o consumo de tudo e depois banir de nossas refeições tais costumes. Muitos pensam que o simples fato de comerem algo por si só engordaram, quando na verdade o fator determinante está na quantidade do que se come e sobretudo o que é consumido. A balança é considerada uma grande vilã para as mulheres o que na minha concepção é uma visão totalmente equivocada. Basta que raciocinemos e veremos a obviedade. O vilão está dentro dos que alimentam-se de maneira errada. A partir desta consciência as pazes com a balança será um mero detalhe. Uma questão que observo como lamentável é a forma como as pessoas acima do peso são tratadas. A várias justificativas para este tipo de alimentação dentre os quais o de que hoje vivemos uma vida corrida. Alias estes alimentos são provenientes deste fato, porém nada o justifica. Sei que muitos  no Brasil e no mundo sequer tem o que comerem quanto mais o de manterem uma dieta a base de frutas, legumes e itens diversos, mas tentem pelo menos se alimentarem de alguma coisa que compõe o cardápio em tela.

 A discriminação sofrida por pessoas com sobrepeso nos meios de transportes, lojas de roupas e etc é um absurdo. O que repudio em absoluto. Penso que, quanto mais um ser humano tem acesso ao conhecimento, torna-se elementar a seu processo  evolutivo, mas ao contrário, sem generalizar tem havido um retrocesso. Destaco também o sofrimento vivenciado por crianças obesas. Para os adultos lidarem com este tipo de preconceito é complicado. Para as crianças os danos psicológicos são ainda piores, pois por não  possuírem uma mentalidade formada as mesmas, padecem de depressão, baixa auto-estima e vivem segregadas do meio social. Em muitos casos a mesma é submetida a tratamentos psicológicos para tentarem superarem esta crise. Concluo dirigindo-me a todas estas pessoas sejam elas adultas ou crianças e digo-lhes que nada pode roubar-lhes o direito a viverem bem, de serem felizes, de terem seus sonhos e concretizá-los. Sempre confiem em Deus independente de credo religioso, pois a fé os tornarão capazes de voarem como uma águia e vencerem todas as adversidades que encontrarem no dia a dia. Não deem ouvidos aos deboches, pois por mais dolorosos que possam serem, saibam sempre que vocês são preciosos para Deus e para este escritor que vos fala. Sonho por um dia em que as pessoas possam serem valorizadas pelo que são e não pelo que aparentam serem ou terem. Contudo em nome da saúde não deixem de lutarem através da pratica de atividades físicas e alimentem-se de forma saudável, pois o emagrecimento é uma meta que a pessoa tem que ter como foco e nunca desistir, bem como todas as coisas que almejamos. O esforço é fundamental. Reflitam e tenham um maravilhoso dia.




João Costa.