Idiomas

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish

5 de março de 2013

O ideal de um mundo melhor e seus percalços



  
  Penso muito sobre o quanto seria maravilhoso se todos tivessem uma qualidade de vida à altura do que almejam e fossem felizes tanto quanto sonham, porém se formos fazer uma análise profunda destas questões veremos o quanto é necessário por incrível que pareça termos os momentos adversos na  vida, pois se eles não existissem que valor daríamos a mesma? Ao que temos? E o ao que conquistamos?

 Os sofrimentos não são bons, mas muitas vezes servem como norteadores de como podemos viver de maneira salutar no que se refere a saúde, como devemos nos portar diante da natureza dando a ela o tratamento devido para que não vejamos o nosso planeta terra tão lindo ser destruído por atos tão insanos como o desmatamento das florestas e o aumento da poluição, a forma como tratamos os nossos semelhantes e daí vemos que todas as questões anteriores nos revelam o caminho para que obtenhamos a sabedoria e o entendimento necessários  para que  saibamos por em pratica a arte de como viver bem.  

  Aos que não veem a vida desta forma, desejo que um dia possam ter esta visão. Não prego aqui que o sofrimento seja bom, muito pelo contrário, mas a bem da verdade sabemos que ele nos faz refletir e a reformular certas atitudes que outrora tínhamos como o certo. Em suma o sofrimento não pode e nem deve ser uma constante na vida de nenhum ser humano. A dica é: - Nunca se deve resignar-se diante dos problemas e ter sempre como lema a luta e a bravura, pois estam nestes fatores a solução dos problemas e a superação dos desafios cujos os quais nos deparamos todos os dias. Leiam atentamente este artigo, vejam este video, reflitam muito e tenham um ótimo dia!




João Costa.